(51) 98038-3873
Horário de Atendimento (via telefone e WhatsApp)
Seg à Sex: 8h às 17h30
Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

04/03/2020

Como aliar beleza e funcionalidade na arquitetura de interiores

beleza-e-funcionalidade-arquitetura-capa

O trabalho do arquiteto alia razão, sensibilidade, beleza e emoção, sem perder os conceitos de funcionalidade e conforto. A arquitetura de interiores se atualiza de forma constante, sempre visando atender às necessidades do cliente.

Cada vez mais o lar é pensado como um ambiente de refúgio e conforto. Com base nisso, a arquiteta Tamara Nagel, da Due Arquitetura, compartilhou com a gente algumas tendências que aliam beleza e funcionalidade para a Arquitetura de Interiores.

1. Divisórias vazadas e cobogós

Além de dividir os ambientes de maneira prática, esses modelos de divisórias mantem a integração, a iluminação natural e a ventilação. Seus desenhos fazem com que tenha dupla função: dividir e decorar o espaço.

2. Tons Neutros

beleza-e-funcionalidade-arquitetura-de-interiores-tons-neutros

A neutralidade mantém a sensação de amplitude, a claridade e a sensação de tranquilidade, tão necessárias nos dias estafantes vividos atualmente, criando ambientes propícios para o relaxamento.

3. Iluminação

A iluminação deve ser utilizada com um elemento que valorize a arquitetura, sendo assim a simplicidade no projeto luminotécnico traz sofisticação aos ambientes. Perfis e rasgos no gesso são vistos em muitos projetos.

As lâmpadas LED ganham cada vez mais espaço, são mais sustentáveis, tem maior capacidade de iluminação e maior longevidade.

4. Revestimentos

beleza-e-funcionalidade-arquitetura-de-interiores-revestimentos

Os revestimentos fazem grande diferença no resultado final do projeto. Quando estamos especificando, inúmeras questões fazem parte da definição dos acabamentos.

Questões que vão desde a necessidade do cliente, à funcionalidade, a área em que será aplicado. Para cada tipo de revestimento há uma especificação técnica sobre a área em que pode ser utilizado.

As últimas tendências apontam para revestimentos de grandes formatos, elementos tridimensionais, texturas marmorizadas e cimentícias. O estilo industrial também continua em alta.

5. Vegetação

O uso da vegetação na composição dos ambientes traz vida. A aproximação com a natureza se volta para a criação de ambientes tranquilos e aconchegantes. Vale apostar em vasos e jardins verticais. Para quem não tem muito tempo e nem muito espaço, é possível optar pelos terrários de suculentas e cactos, que exigem pouca manutenção.

beleza-e-funcionalidade-arquitetura-de-interiores-vegetacao

É assim que espaços confortáveis e funcionais são criados. Pequenas estratégias e táticas da arquitetura de interiores ampliam cômodos e unem praticidade e estilo na decoração e organização de ambientes. Aposte em algumas dessas dicas no próximo projeto!