(51) 98038-3873
Segunda à Sexta: 8h às 17h30
Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

20/08/2021

Grandes nomes da arquitetura: a história de Walter Gropius


 

Grandes nomes da arquitetura: a história de Walter Gropius

A história de Walter Gropius é emblemática, pois o arquiteto alemão é considerado um dos grandes nomes da arquitetura do século 20. O arquiteto foi fundador da escola de Bauhaus, escola de arquitetura, design e também de artes modernas. Após sua contribuição na Bauhaus, exerceu o cargo de diretor do curso de arquitetura na Universidade de Harvard.

O arquiteto e educador possuía uma visão à frente do seu tempo. Revolucionário, tinha como objetivo tornar a arte acessível a todos. Walter Gropius dispensou os métodos habituais de ensino e prestigiou a cooperação entre a aprendizagem e a criação.

Neste post, vamos contar sobre ahistória de Walter Gropius, a importância dele e sua escola de Bauhaus, além de mostrar suas principais obras.

História

Em 18 de maio de 1883 na cidade de Berlim, nasceu Walter Gropius. Dizem que seu talento para a arquitetura foi uma herança de família transmitida por seu pai que também era arquiteto.

Além de seu pai, seu tio-avô Martin Gropius era da área. Seu tio havia construído o espaço de exposições Martin Gropius Bau, na época já considerada uma das mais belas obras da Alemanha.

Gropius, entre os anos de 1903 e 1907, estudou arquitetura em Munique e em Berlin. Iniciou sua carreira na Alemanha e, em 1907, começou a trabalhar no escritório do arquiteto Peter Behrens, também na capital alemã.

O arquiteto já havia construído seus primeiros edifícios antes mesmo dos estudos serem concluídos. Logo que se formou em 1910, foi capaz de abrir o próprio escritório de arquitetura.

Gropius era totalmente contrário à imitação e às normas e regras nas artes, por isso, tornou-se um guia intelectual. Além de arquiteto, era um grande educador e é conhecido por isso até os dias de hoje.

O pai da Bauhaus

Uma parte muito importante da história de Walter Gropiusfoi a escola de Bauhaus. A Bauhaus foi uma escola de arte revolucionária na Alemanha fundada pelo arquiteto.

A escola de Bauhaus teve sua fundação em 1919 e foi uma das mais importantes representações do Modernismo nas áreas de design e arquitetura. Também foi considerada a primeira escola de design a ser criada.

A escola tinha valores estéticos, sociais e políticos, e um de seus objetivos era a integração entre as artes e o artesanato. Gropius implementou na Bauhaus um novo método de ensino com diferentes expressões artísticas como a pintura e a dança.

Um dos objetivos encontrados na Bauhaus era a produção em larga escala e a promoção de projetos onde funcionalidade e beleza deveriam caminhar juntas. Sendo assim, a forma deveria seguir a função. A instituição também propôs o uso de insumos inovadores para a época, como madeira, aço, vidro e arame.

O fim da escola de Bauhaus foi em 1933, quando ela foi fechada pelo governo Nazista. Sendo assim, Walter Gropius deixou a Alemanha em 1934 e logo depois partiu para os Estados Unidos.

Quando já morava nos Estados Unidos em 1937, o arquiteto recebeu o convite para lecionar no curso de arquitetura da Universidade de Harvard. Depois de lecionar por um ano, tornou-se diretor do setor e permaneceu no cargo até o ano de 1952.

Principais obras

Conheça as principais obras que fazem parte da história de Walter Gropius:

  • Fábrica Fagus localizada na Alemanha e construída entre 1911 e 1913.

  • Gropiusstadt ou Cidade de Gropius localizada na Alemanha e concluída em 1975.

  • Impington Village College localizada na Inglaterra e construída em 1938.

  • Harvard Graduate Center localizada nos Estados Unidos e construída em 1948.

A história de Walter Gropiusnos mostra o porquê de ele ter se tornado um arquiteto tão importante juntamente com a sua escola de Bauhaus. O arquiteto foi vanguardista em suas ideias e projetos. Além de arquiteto, foi considerado um grande educador.

Por isso, ele é considerado um dos grandes nomes da arquitetura. Gropius inovou junto com a Bauhaus a propor o uso de materiais como o vidro, arame, madeira e aço, materiais considerados inovadores para a época e que são amplamente utilizados nos dias de hoje.

Talvez uma de suas maiores lições tenha sido agregar funcionalidade à beleza, com seus projetos com formas que deveriam seguir a função.

Fonte: Blog WEG Tomadas & Interruptores